Translate

Translate to Arabic Translate to Bulgarian Translate to Simplified Chinese Translate to Traditional Chinese Translate to Croatian Translate to Czech Translate to Danish TTranslate to Dutch Translate to English Translate to Finnish Translate to French Translate to German Translate to Greek Translate to Hindi Translate to Italian Translate to Japanese Translate to Korean Translate to Norwegian Translate to Polish Translate to Portuguese Translate to Romanian Translate to Russian Translate to Spanish Translate to Swedish

Cursos on line

10.2.09

O que esta acontecendo?


Comecei a analisar o comportamento das pessoas ao meu redor e pude reparar que todas têm sempre um problema em relação ao amor.
Trabalho com pessoas o dia todo e converso com elas sobre futebol, política, e tudo o mais. Mas a grande maioria das nossas conversas é relacionada a relacionamentos, sobre perdas e frustrações na busca pelo parceiro ideal. O interessante é que uma coisa vai puxando outra, até que as pessoas começam a falar dos próprios relacionamentos. Em geral, o que acabam dizendo é sempre algo do tipo: “É muito difícil achar uma pessoa que corresponda ao que procuramos!”
Para ter-se uma idéia de como andam as relações de amor nos dias de hoje, repare como tudo está tão desvairado e tão absurdo. O que mais ouço por aí é a frase “Ninguém quer nada sério nos relacionamentos. Por isso, o amor está cada dia pior." Por que será? Será que as pessoas estão perdendo o respeito umas pelas outras? Será que o amor deixou de ser objeto dos sonhos de todos nós?
A verdade é que os casais estão tendo cada vez menos contato e cumplicidade, pelo fato da vida estar cada vez mais agitada. Além do que, parece que os valores de hoje estão levando as pessoas para uma vida fora de uma relação de casal mais duradoura. Também o fato de cada vez mais casais terem suas vidas econômicas independentes contribui muito para esse distanciamento dos parceiros.
E o que se pode fazer a respeito de tudo isso? O que fazer para tentar melhorar essa situação?
Bom, não sou nenhum especialista no assunto, e nem ao menos um professor da matéria. Mas sei muito bem o que é viver com amor. Por isso, arrisco dizer que grande parte do problema está no fato das pessoas não usarem muito o coração, e sim a razão para tratar dos relacionamentos. Todo mundo hoje acha que tudo tem que ser analisado, discutido, avaliado. Ninguém parece lembrar que, em casos de amor, tudo o que é necessário é sentir. Não existe aquela busca comum de interesses, onde a vontade de cada um é respeitada. Cada um só busca os próprios interesses, sem dar a mínima para o que o outro quer.
Por isso, quero sugerir que você procure ser mais compreensível com seu par, mais amável, mais carinhoso, aceitável, tolerante. Nada desse negócio de tentar achar um culpado pelos problemas da relação. O negócio é sentar juntos, lado a lado, e conversar. O melhor caminho é o dialogo e o respeito mútuo. É preciso olhar também o lado do outro e não só aquilo que diz respeito a você. No casal, é preciso respeitar a vontade de cada um. Essa sim é uma boa forma de acertar uma relação.
Apenas mais uma dica importante: tome muito cuidado na hora de procurar ajustar a sua relação. Os tempos mudaram. Estamos vivendo numa outra era, onde a independência de cada um dos parceiros precisa ser respeitada. Pense nisso!
Um forte abraço!

por: HENRIQUE "Jymmy"


Texto enviado por um amigo e devidamente autorizado para ser exposto aqui nos Pensamentos Urbanos, gostaria que dessem uma olhadinha na mensagem, se gostar ou ter uma opinião sobre o tema, por favor comente e nos ajude a fazer cada dia melhor o blog para vocês. Atila City

2 Comentários:

Ismaelita Nascimento disse...

Atila ,eu acho que as pessoas deixaram de acreditar no amor porque estão ficando egoistas. São amantes de si mesmo sempre querendo levar vantagens e ficam com medo de amar porque não querem sofrer. Agem mais com a razão mais doque o coração.

André disse...

eu ja descobri tudo isso a muito e muito tempo mas nao adianta lutar contra...

mas eu luto e me fodo.

Postar um comentário

Obrigado por dividir conosco seus Pensamentos

De onde vem os Pensadores

Direitos Autorais

Creative Commons License Pensamentos Urbanos esta licenciado por Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil License. Todo conteudo pode ser copiado, desde que mencionado a fonte. Obrigado

De onde vem?

http://www.lojadascanecas.com.br/Parceiro.asp?CodParceiro=2108

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO